(41) 9 8402-8472
(41) 9 9784-8648
contato@consultoriaconfianza.com.br

O que é e como achar o ponto de equilíbrio da sua empresa?

O que é e como achar o ponto de equilíbrio da sua empresa?

Saiba por que esse conceito é tão importante no mundo dos negócios e entenda como fazer o cálculo do ponto de equilíbrio da sua empresa.

Se você frequentou a faculdade de Administração ou mesmo já leu materiais sobre o assunto na internet, certamente já deve ter se deparado com a expressão “ponto de equilíbrio”. Porém, você saberia dizer o que é ponto de equilíbrio em uma empresa e como fazer o cálculo desse valor?

Para que não reste dúvida da importância desse termo em seu negócio, seja ele qual for, vamos explicar de forma simples e detalhada para que ele serve e como você pode calcular esse valor. Se a sua empresa não estiver conseguindo atingir o ponto de equilíbrio, ligue o sinal de alerta e comece a pensar em maneiras de reverter a situação.

O que é o ponto de equilíbrio?

Vamos a uma analogia mais simples para que você possa entender o que essa expressão significa. Vamos supor que você mora de aluguel e todos os meses precisa pagá-lo para o seu locatário. Se o seu aluguel é de R$ 1 mil, portanto isso significa que todos os meses você precisa obter de renda no mínimo R$ 1 mil para quitar essa dívida, caso contrário você ficará em atraso. Ou seja, você precisa ganhar pelo menos R$ 1 mil para continuar morando onde está.

Agora vamos trazer essa ideia para a realidade de uma empresa. O ponto de equilíbrio é o valor mínimo que você precisa obter todos os meses para pagar todas as despesas que a sua empresa tem. Ou seja, entra nessa conta cada centavo gasto, como aluguel, condomínio, água, luz, telefone, material de escritório, salários, impostos, taxas bancárias e transporte.

Vamos supor que a soma de todas as suas despesas seja igual a R$ 10 mil. Isso significa que o seu ponto de equilíbrio equivale a R$ 10 mil, pois esse é o valor mínimo que você precisa faturar para ficar no zero a zero. Claro, toda empresa visa lucro e cada centavo obtido além dos R$ 10 mil é o seu “extra”. Porém, obter menos do que o seu ponto de equilíbrio significa que você terá que tirar essa diferença de algum lugar – seja de uma conta de investimentos, de um empréstimo bancário ou mesmo do próprio bolso.

Como é calculado o ponto de equilíbrio?

Para fazer o cálculo do ponto de equilíbrio de uma empresa, é preciso primeiramente fazer um levantamento de todas as despesas fixas mensais. Depois, liste em percentual quanto os custos variáveis impactam no seu faturamento. Por custos variáveis, entenda aqueles valores que aumentam quando aumenta o número de itens vendidos, seja por conta da compra de mais matéria-prima ou pelo aumento no volume de pedidos junto aos fornecedores. Por fim, levante o valor das receitas mensais, ou seja, a quantidade de dinheiro que você recebe a cada 30 dias.

Agora que você tem todos os dados que precisa, basta aplicar a seguinte fórmula:

Ponto de equilíbrio =  Gastos Fixos / % da Margem de contribuição

Para calcular a margem de contribuição também é simples. Pegue os 100% (a representação do eu faturamento total) e diminua dele os percentuais de custo variável. O resultado será justamente o percentual de margem de contribuição que você aplicará na fórmula acima.

Vamos a um exemplo para que tudo fique mais simples. Suponha que uma empresa tem um faturamento de R$ 100 milhões, um custo variável de R$ 70 milhões e um custo fixo de R$ 19.500. Aplicando a fórmula temos:

PE = Custo Fixo / %MC (% da margem de contribuição)

  • Margem de contribuição: (RT) R$ 100 mi
  • (CV) R$ 70 mi = R$ 30 mi
  • Índice da margem de contribuição: R$ 30 mi / (RT) R$ 100 mi = (%MC) 0,3
  • (PE) Ponto de equilíbrio = (CF) R$ 19.500,00 / (%MC) 0,3 = R$ 65 mi

Portanto, no nosso exemplo, a empresa em questão precisa faturar pelo menos R$ 65 milhões para atingir o seu ponto de equilíbrio. Simples, não é mesmo? E se você precisar de ajuda, é só falar com a Consultoria Confianza!

Tags:

Ligar Agora
WhatsApp Contate-nos