(41) 9 8402-8472
(41) 9 9784-8648
contato@consultoriaconfianza.com.br

Aprenda o que é estoque mínimo, estoque máximo, ponto de pedido e lote de compra

Aprenda o que é estoque mínimo, estoque máximo, ponto de pedido e lote de compra

Entenda o que significa cada um desses conceitos e aprofunde os seus conhecimentos sobre administração e gerenciamento.

Compreender alguns conceitos de administração pode fazer toda a diferença na hora de elaborar o planejamento da sua empresa. Por exemplo, termos como o que é estoque mínimo, estoque máximo, ponto de pedido e lote de compra podem não estar na ponta da língua, mas é preciso ter uma ideia do que cada um deles significa.

Nesse artigo, explicamos em detalhes os conceitos por trás de cada um desses termos, incluindo as suas fórmulas de cálculo, de maneira que você possa utilizar essas teorias para melhor gerenciar os seus estoques. Afinal, quanto mais informações você tiver antes da tomada de decisão, maiores são as chances de que os resultados sejam positivos.

O que é estoque mínimo?

O conceito de estoque mínimo também é conhecido por muitos como estoque de segurança. Trata-se da quantidade mínima de um produto que deve existir em estoque de forma a cobrir eventuais atrasos de reposição do fornecedor e garantir que o item em questão não faltará para o consumidor por um determinado período.

Vários fatores podem afetar os estoques, como picos de consumo, atrasos na entrega ou mesmo escassez de mão de obra. Por essa razão, o bom gestor é aquele que consegue prever essas ocorrências e garantir uma margem de segurança para que o funcionamento da empresa e o volume de vendas não sejam afetados.

Estoques muito baixos podem fazer com que a sua empresa seja impactada negativamente caso falte algum item. Por outro lado, estoques muito altos podem aumentar de forma desnecessária os custos dos produtos. Por essa razão, é preciso sempre encontrar um ponto de equilíbrio, razão pela qual o uso de softwares de gestão para análise de dados é fundamental nesse sentido.

O que é estoque máximo?

Aqui, falamos de um conceito bem simples. Estoque máximo é quantidade limite de itens que podem ser armazenados em estoque. Em teoria, a equação que indica o estoque máximo leva em consideração o estoque existente somado a todos os ressuprimentos. Há uma fórmula matemática para expressar esse conceito:

EMax = EMin + Qr

Nessa equação, as variáveis são as seguintes:

  • EMax = estoque máximo
  • EMin = estoque mínimo
  • Qr = quantidade de ressuprimentos (em unidades)

Torna-se mais evidente perceber quais são as variáveis que afetam o estoque máximo. A quantidade de capital disponível para aquisição de produtos, o espaço físico máximo e a relação entre prazo de validade dos produtos e demanda são aspectos que influenciam diretamente na tomada de decisão.

O que é ponto de pedido?

Por ponto de pedido entendemos o momento em que a empresa atinge a sua máxima eficiência em termos de controle de estoque. Nesse cenário, todos os processos ocorrem com naturalidade e não há erros.

Sabe a ideia de estar na hora certa e no lugar certo? É exatamente isso: a empresa encontra o momento exato para fazer o pedido e recebe o produto no tempo ideal, maximizando a sua produtividade e os seus lucros.

Para que se obtenha o chamado ponto de pedido, é preciso ficar de olho em uma série de fatores, tais como:

  • Tempo necessário para se fazer as cotações de preço junto aos fornecedores;
  • Tempo de espera entre a solicitação das mercadorias e a sua efetiva disponibilidade;
  • Tempo de produção dos itens encomendados;
  • Tempo de entrega dos produtos embalados até a chegada na empresa.

Nesse caso, há uma fórmula matemática para encontrar o ponto de pedido. Ela é expressada da seguinte forma:

PP = (CM x TR) + ES

Nessa equação, as variáveis são as seguintes:

  • PP = ponto de pedido
  • CM = consumo médio
  • TR = tempo de reposição
  • ES = estoque de segurança

O que é lote econômico de compra?

Também conhecido pela sigla LEC, lote econômico de compra é quando se estabelece um valor de compra de mercadorias que seja mais vantajoso para a empresa em razão de um ou mais fatores, tais como: volume de mercadoria, prazo de pagamento, despesas com transporte, despesas com armazenamento ou despesas com gestão de estoque.

Nesse caso, o que se busca é, após analisar todas as variáveis envolvidas, a compra de mercadoria ao menor custo possível. Existe uma fórmula matemática para se chegar a esse número. Ela é expressa pela seguinte equação:

LEC = Raiz quadrada de (2 * D * CP)/(CA)

Nessa equação, as variáveis são as seguintes:

  • LEC = lote econômico de compra
  • D = demanda
  • CP = custo do pedido
  • CA = custo da armazenagem

Alguns fatores têm influência direta nos resultados como espaço físico de armazenamento, capital necessário para aquisição, disponibilidade do produto, risco de falta que prejudique a produção e as sazonalidades.

Tags:

Ligar Agora
WhatsApp Contate-nos