(41) 9 8402-8472
(41) 9 9784-8648
contato@consultoriaconfianza.com.br

A oportunidade da Black Friday para o e-commerce

A oportunidade da Black Friday para o e-commerce

Como os e-commerces podem aproveitar as oportunidades do Black Friday.

Os números de vendas do comércio eletrônico vêm se destacando cada vez mais no mundo todo. Apenas no Brasil, as compras de serviços off-line por meios digitais têm uma expectativa de crescimento de 8%, o que representa vendas na ordem de R$44,6 bilhões em 2016, segundo levantamento da E-Bit, uma das maiores certificadoras do comércio online, em parceria com a Buscapé.

 

Tanto quanto no varejo tradicional, o comércio online é influenciado por datas comemorativas e outros eventos, como a Black Friday, data importada dos Estados Unidos em que as lojas promovem preços diferenciados: os descontos as vezes chegam a 80% dos valores originais. A data, inclusive, já produz até variações, como a Black November, com um princípio semelhante.

 

Somente a Black Friday este ano já chega em sua sexta edição no Brasil. Mas como os e-commerces podem aproveitar as oportunidades do comércio online na data, sem reduzir a qualidade dos serviços e da experiência de compra?

 

No mercado de e-commerces, o planejamento é rei

 

Todas as operações para a Black Friday (e outras oportunidades de vendas) começam muito antes da data específica. Tudo precisa estar redondo, desde os preços promocionais, imagens dos produtos, os produtos em si, os estoques, o site, a divulgação dos produtos, a logística da distribuição e os demais detalhes que fazem muita diferença na satisfação do cliente desde a compra até o relacionamento com sua empresa.

 

E atenção: não deixe para começar tudo isso em cima da hora. Definir esses pontos irão determinar a efetividade dos seus objetivos de venda, portanto, tudo deve estar afinado e concreto.

 

Ofereça descontos realmente interessantes

 

O começo da Black Friday no país teve inúmeras mostras de como não fazer comércio online, desde descontos sobre preços inflados a problemas sérios com logística. Felizmente, consumidores e órgãos de defesa estão bastante atentos a esses problemas das empresas, o que faz com que apenas descontos atrativos e verdadeiros sejam praticados e deem certo.

 

Como dar desconto nos valores sem impactar no lucro? A proposta da Black Friday é exatamente compensar os valores mais baixos com o volume de vendas, por isso, não tenha medo de ousar – mas tudo dentro de um planejamento responsável.

 

Hoje já existem algumas certificações digitais que asseguram a seriedade das promoções de várias empresas durante a própria Black Friday. Esses mecanismos dão mais garantias aos consumidores, que por sua vez se sentem mais confortáveis em comprar em sua empresa.

 

O estoque é muito importante

 

Um aspecto muito importante da Black Friday é que vender por vender é extremamente arriscado. Mais importante que vender, é conseguir atender a todos os pedidos dentro do prazo de entrega correto.

 

Muitas empresas perdem toda a credibilidade conquistada nos outros campos do relacionamento com o cliente porque não têm um bom controle do estoque. Preveja e antecipe-se ao aumento da demanda, consulte seus fornecedores e esteja preparado para imprevistos.

 

Seus produtos são limitados? Deixe isso claro ao cliente, ele não pode ser surpreendido.

 

Faça divulgação dos descontos!

 

Toda venda é também um processo bem executado de comunicação. Desenvolva antecipadamente suas estratégias de publicidade, utilize-se de e-mail marketing, sites e redes sociais para fazer com que seu público saiba que você estará participando da oportunidade com promoções de relevância.

 

Para chamar atenção, pratique promoções (como cupons de desconto) para agregar valor aos seus produtos.

 

Por fim, use a oportunidade para recolher dados de seus clientes que permitam um pós-venda de qualidade, pois o relacionamento com seu novo cliente continua mesmo depois da Black Friday, principalmente se sua experiência com seus serviços foi satisfatória.

Tags:

Ligar Agora
WhatsApp Contate-nos